Agradecimento

Nossos agradecimentos as secretarias de cultura das cidades onde tivemos o imenso prazer de ir, conhecer e participar de eventos tão agradáveis e gratificantes...foi um prazer poder visitar lugares como estes, conhecer um pouco o seu povo, a sua história e também poder participar de eventos comemorativos, poder mostrar a todos o quanto gostamos,e aos internautas e para aqueles que ainda não conhecem estas lindas cidades irei postar fotos..., fica ai a sugestão para um bom passeio.

Vale conferir pessoalmente, ok?

sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Bom Jardim - RJ

Os municípios da região tiveram a colonização influenciada por descendentes de alemães (Brust, Emerich, Erthal, Heckert, Klein, Miller, Schott, Hoelz), suíços (Ballonecker, Engert, Marchon, Bohrer, Marfurt, Berçot, Monnerat), Italianos, (Lattanzi, Capozi, Cariello, Guzzo, Pecci), franceses Bittencourt, portugueses Teixeira, Corrêa, Rocha, Silveira, Dias e libanesesTuffi, Abdalla e sempre teve uma ligação muito forte a Nova Friburgo tendo em vista que 80% de seu território pertencia a Nova Friburgo, São José, Barra Alegre, Banquete e consequentemente as famílias originárias citadas.
Há notícias de que nas terras onde se localiza o município, no reverso da Serra Órgãos, habitavam os índios Puris, hoje extintos (LAMEGO, Antônio Ribeiro. O Homem e a Serra. IBGE, 1945). A região compunha, no século XVIII, um complexo conhecido como “sertões proibidos”, isto é, caminhos nos quais era proibido transitar. A proibição tinha a intenção de impedir o contrabando de ouro. Assim, foram mandadas fechar trilhas e lavras não oficiais, que incluíram as trilhas que levavam a Cantagalo, ao qual pertencia a região onde hoje se localiza a cidade de Bom Jardim (1º Distrito do Município).
Localização de Bom Jardim














Fotos; internet

O município tem, assim, sua origem ligada ao caminho dos tropeiros que se dirigiam às minas da região de Cantagalo. Por ser uma região localizada num belo vale de muitas formações rochosas, há notícias de que teria sido utilizada tanto para pouso de tropas quanto para refúgio seguro de bandos de salteadores e traficantes de ouro.
De fato, pertence ao município de Bom Jardim a região ainda hoje conhecida como “Furnas do Mão-de-Luva”, famoso contrabandista de ouro que teria lavrado nos rios da região e, diz a lenda, escondido nas ditas furnas parte do ouro ilegal.
O primeiro núcleo populacional estável da região surgiu onde hoje se localiza o distrito de São José. Em 13 de outubro de 1857 foi autorizada a construção de uma igreja, o que marcava a existência de uma freguesia – divisão administrativa da época - então ligada ao município de Nova Friburgo...

Símbolos

Júlio Mário Salusse nasceu onde hoje se localiza o município de Bom Jardim, em 30 de março de 1872 e faleceu em 1948. Herdou uma considerável fortuna, estudou Direito em São Paulo e se deu ao luxo de passar muito tempo em Paris, metido em muitas festas. Alegre e fanfarrão, acabou por esgotar sua herança.
Salusse é citado como o “poeta de Bom Jardim” e sua vida é envolta em lendas. A maior parte de sua obra está desaparecida.
No brasão e na bandeira do município aparecem dois cisnes entremeados por um N (uma referência a França de Napoleão Bonaparte, origem de parte da família de Salusse) numa clara homenagem ao poeta que ganhou fama por seu poema os Cidade...
Fotnte: Wikipédia
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

                                              IV Encontro de Corais de Bom Jardim

O Grêmio Musical Paquequer, estar  muito feliz por ter participado do encontro de corais em Bom Jardim, no estado do Rio de Janeiro. Evento esse que foi e sempre será o mais lindo de todos, parabéns aos participantes, aos que planejaram o grande evento
E em especial ao maravilhoso tenor de Bom Jardim João Claudio Daumas Lassarotte.


                                           

Coral do Grêmio Musical Paquequer





Nenhum comentário:

Postar um comentário